GUERRA DE KOSOVO

GUERRA DE KOSOVO

Trabalho de alunos da Turma 130

(Alunos: Alexandre de Andrade, Amer, Carolina, Marcela Freschi, Márcia Akemi, Pedro Henrique)

 

INTRODUÇÃO

 

A Guerra de Kosovo foi causada pela intervenção da OTAN por meio de bombardeios aéreos na Iugoslávia, para interromper a expulsão de albaneses étnicos de Kosovo pelas forças servias.

Kosovo é uma região da Iugoslávia habitada em 80% por albaneses étnicos, que são pessoas de origem albanesa e muçulmana.

Por que os sérvios brigam por Kosovo ?

Porque Kosovo e a região Sul da Iugoslávia eram o território original da nação Sérvia da Idade Média. Os sérvios saíram de lá para fugir da dominação turca, que durou do Séc. XIV ao XIX.

Porque os albaneses brigam por Kosovo ?

Há duas justificativas: os albaneses são majoritários e existem albaneses em Kosovo desde o domínio turco.

Em 1989, com o fim da Iugoslávia comunista, o presidente sérvio Slodoban Milosevic tirou autonomia dos albaneses de Kosovo. A tensão foi crescendo até o surgimento do exército de Libertação de Kosovo ( ELK ) que é uma guerrilha albanesa.

No ano passado, o governo da Iugoslávia decidiu agir pesadamente contra o ELK. Acusações de que estariam ocorrendo expulsão, massacre de civis albaneses e suspeitas de campos de concentração levam à intervenção da OTAN, no dia 24 de março de 1999.

OTAN - BOMBARDEIO NO ESCURO

Com o objetivo de "salvar" a população albanesa muçulmana de Kosovo de uma limpeza étnica, a OTAN está submetendo a pobre província a constantes bombardeios. Os bombardeios contra a Iugoslávia, além de matar albaneses e sérvios inocentes, fez crescer ainda mais o ódio existente entre eles, aumentando os massacres, fugas em massa e a limpeza étnica. Sem a proteção dos soldados da OTAN em terra, os albaneses estão entregues a própria sorte.

A OTAN, pela primeira vez, atacou um país soberano, acusando-o de maltratar o próprio povo. A OTAN não armou nenhuma cruzada euro-americana para ajudar, quando a maioria hutu massacrou 700.000 tutsis em Ruanda em 1994. Alguém imagina a OTAN punindo um de seus próprios aliados, a Turquia, pela sangrenta repressão em seu país ao nacionalismo curdo?

Nada justifica a tragédia de Kosovo e a OTAN, que é o pacto militar mais forte de planeta, deve ser responsabilizada por essa guerra ter se tornado um verdadeiro caos, por prolongar os efeitos do ódio e da violência, e por fechar este século com esse conflito sangrento.